Última hora

Última hora

Clinton acusa Rússia de fornecer helicópteros de ataque à Síria

Em leitura:

Clinton acusa Rússia de fornecer helicópteros de ataque à Síria

Tamanho do texto Aa Aa

Em Paris, dezenas de manifestantes apelaram esta terça-feira a governos de vários países para deixarem de negociar com armadores russos. O protesto sublinhava o uso de armas provenientes da Rússia contra a população civil na Síria.

Os Estados Unidos acusam a Rússia de fornecer helicópteros de ataque ao regime de Bashar al-Assad.

A secretária de Estado norte-americana afirmou que o seu país “confrontou os russos para que parem de enviar armas para a Síria”. Hillary Clinton acrescentou que “eles disseram […] que não há motivos para preocupação, que o que estão a enviar não está relacionado com as ações internas [na Síria]. Isso é manifestamente falso. [Os Estados Unidos] estão preocupados com as informações recentes de que existem helicópteros de ataque em caminho da Rússia para a Síria, o que se vai traduzir numa escalada dramática do conflito”.

Clinton não indicou de onde provinham as informações em causa. Os comentários da secretária de Estado norte-americana surgem num momento em que o Pentágono se encontra na defensiva por negociar com um exportador de armas russo, com possíveis implicações no fornecimento de armamento à Síria.