Última hora

Última hora

Netanyahu criticado em Israel pelo ataque à frota turca

Em leitura:

Netanyahu criticado em Israel pelo ataque à frota turca

Tamanho do texto Aa Aa

Um relatório oficial israelita, publicado esta quarta-feira, critica acentuadamente a atuação do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, no caso do ataque a uma embarcação turca em 2010.

O gabinete de Netanyahu reagiu prontamente, afirmando que o incidente resultou de “um ato legítimo de auto-defesa, destinado a impedir a entrega de armas aos terroristas em Gaza.”

No entanto, o referido relatório afirma que houve falhas significativas e falta de coordenação política em todo o processo. Em maio de 2010, um assalto militar israelita matou nove ativistas pró-palestinianos, a bordo do Mavi Marmara, um dos seis barcos da frota turca que tentava furar o bloqueio a Gaza.