Última hora

Última hora

Vitória da esquerda dada como certa nas legislativas francesas

Em leitura:

Vitória da esquerda dada como certa nas legislativas francesas

Tamanho do texto Aa Aa

Oito candidatos de origem portuguesa estão na segunda volta das eleições legislativas em França.

Um escrutínio que onde é esperada uma vitória da esquerda à semelhança do que aconteceu na primeira volta e da abstenção

A meio da jornada eleitoral a taxa de participação rondava os 21 por cento.

Os franceses não esperam qualquer tipo de surpresa:

“Este escrutínio não tem qualquer tipo de importância porque está tudo decidido. Vamos ter uma maioria relativa ou absoluta para os socialistas. Todos sabem disso e vamos ter uma elevada taxa de abstenção.”

A campanha para as legislativas ficou marcada pelo polémico apoio da primeira-dama francesa ao adversário de Ségolène Royal na corrida ao Parlamento. Uma atitude que nem o Partido Socialistas, nem o presidente conseguiram explicar. De acordo com as sondagens, a ex-mulher de François Hollande não deve conseguir ser eleita como deputada.

Já o partido de extrema-direita, a Frente Nacional, de Marine Le Pen espera com este escrutínio poder regressar à Assembleia Nacional.