Última hora

Última hora

Despedimentos maciços na Air France para manter competitividade

Em leitura:

Despedimentos maciços na Air France para manter competitividade

Tamanho do texto Aa Aa

Em dois anos, a Air France vai despedir mais de cinco mil trabalhadores. O plano de reestruturação da transportadora aérea, desenhado para o reforço urgente da competitividade, foi revelado esta quinta-feira.

Os responsáveis do grupo evitam falar em despedimentos coletivos; salientam antes que a maior parte destes funcionários será incitada à reforma antecipada, à saída voluntária ou mesmo à atividade em tempo parcial.

A medida, a entrar em vigor já este ano, foi acompanhada por previsões de aumento de liquidez e de redução global de perdas.

Segundo a Air France-KLM, os custos operacionais vão ser cortados em 2 mil milhões de euros, colmatando assim as oscilações no preço dos combustíveis e a dinâmica da concorrência.

Agora a aposta declarada do grupo é a diversificação de ofertas na primeira classe.