Última hora

Última hora

Ancara acusa Damasco de violar espaço aéreo internacional

Em leitura:

Ancara acusa Damasco de violar espaço aéreo internacional

Tamanho do texto Aa Aa

A Turquia, país membro da NATO, vai consultar os aliados ainda esta semana sobre o mais recente incidente com a Síria.

Ancara afirma que o avião militar turco abatido sexta-feira pelo exército sírio invadiu a fronteira do país vizinho, mas foi atingido quando se encontrava no espaço aéreo internacional, sem qualquer aviso prévio.

O chefe da diplomacia turca não compreende a atitude de Damasco.

“O nosso avião não efetuava qualquer tipo de missão relacionada com a Síria. Estava, apenas, a testar o sistema de radar turco. Os pilotos não foram advertidos e o aparelho estava identificado. As autoridades sírias sabiam que se tratava de um avião militar turco e a natureza da missão” afirma Ahmet Davutoğlu, ministro dos Negócios Estrangeiros turco.

Damasco apresenta outra versão. Garante que o aparelho foi abatido antes de ser identificado e depois de invadir o espaço aéreo sírio.

As buscas para encontrar os dois pilotos que seguiam a bordo do avião prosseguem pelo terceiro dias consecutivo.

As equipas de resgate terão, entretanto, localizado partes do aparelho em águas sírias, a 1300 metros de profundidade.