Última hora

Última hora

China completa primeira acoplagem manual na órbita terrestre

Em leitura:

China completa primeira acoplagem manual na órbita terrestre

Tamanho do texto Aa Aa

A China completou com sucesso a primeira acoplagem em modo manual na órbita terrestre, uma etapa crucial para o programa espacial do país, que pretende construir até 2020 uma estação orbital habitada de forma permanente.

O astronauta Liu Wang efetuou a manobra que permitiu ligar o veículo Shenzhou-9 ao módulo Tiangong-1, do qual se tinha separado depois de uma primeira acoplagem em modo automático.

A operação manual constituía a principal tarefa da quarta missão tripulada da China, uma manobra delicada, já que ambos os aparelhos circulavam à volta da Terra a uma velocidade de cerca de 28 mil quilómetros por hora. Liu Wang tinha efetuado pelo menos 1500 simulações antes de partir para a órbita terrestre.

A missão de treze dias iniciada a 17 de Junho conta – para além de Liu Wang e do colega Jing Haipeng – com Liu Yang, a primeira mulher enviada pela China para o espaço.

Pequim quer recuperar o atraso do país na conquista do espaço, obtendo até ao fim da década uma estação orbital baseada nos modelos da russa MIR ou da Estação Espacial Internacional.