Última hora

Em leitura:

Rajoy: Espanha não pode continuar a pagar juros elevados durante muito tempo


mundo

Rajoy: Espanha não pode continuar a pagar juros elevados durante muito tempo

Espanha não vai poder continuar a financiar-se nos mercados se as taxas de juro não descerem rapidamente. O primeiro-ministro Mariano Rajoy admitiu esta quarta-feira nas cortes de Madrid que o financiamento do reino é uma questão urgente à qual tem de ser dada uma resposta rápida. O chefe do governo dava conta aos deputados das posições que vai defender na cimeira europeia.

“Vou falar da necessidade de se adotarem medidas para estabilizar os mercados, utilizando os instrumentos comunitários que estão à nossa disposição neste momento. Com prémios de risco como os que têm Espanha e outros países é muito difícil que a economia possa crescer. O mais importante hoje é poder financiarmo-nos nos mercados. Hoje este é o tema capital. Espanha, Itália e outros países, vamos tentar que se tomem decisões razoáveis” – afirmou Rajoy.

Os juros das obrigações espanholas a dez anos rondam os sete por cento, limite a partir do qual Irlanda, Grécia e Portugal tiveram de recorrer ao financiamento da troika. Madrid já teve de dedir um resgate para o setor bancário que deverá situar-se entre os 51 e os 62 mil milhões de euros.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Merkel: "Não há fórmulas mágicas"