Última hora

Última hora

Paris e Berlim querem aprofundar a união económica e monetária

Em leitura:

Paris e Berlim querem aprofundar a união económica e monetária

Tamanho do texto Aa Aa

A chanceler alemã acredita que os líderes europeus vão chegar a um pacto de crescimento da economia europeia.

Recebida pelo presidente francês, François Hollande, Angela Merkel disse que acredita que os responsáveis europeus vão chegar a acordo para um pacto de crescimento, por seu turno Hollande mostrou consciente das medidas que deve impor em nome da estabilidade financeira.

A líder da maior economia europeia sublinhou a necessidade de mais Europa e de que os mercados funcionem. Merkel disse que se vivem “meses decisivos” para o futuro da Europa, e que a Alemanha está disposta a mudar as estruturas comunitárias, nomeadamente através de alterações nos tratados para uma maior integração.

Este analista comenta que Berlim irá tudo fazer para evitar uma concessão de crédito ilimitado aos países que precisam de pagar as suas dívidas.

Angela Merkel, considerou no Bundstag “desproporcionados” os planos apresentados pelos responsáveis das instituições europeias para debate na Cimeira de amanhã em Bruxelas, por destacarem a responsabilidade mútua pelas dívidas, em detrimento do respectivo controlo.