Última hora

Última hora

Supremo norte-americano aprova "Obamacare"

Em leitura:

Supremo norte-americano aprova "Obamacare"

Tamanho do texto Aa Aa

A Lei dos Cuidados Acessíveis – conhecida por “Obamacare” -, de Barack Obama, foi salva pelo Supremo Tribunal federal norte-americano. Mais concretamente pelo presidente do Tribunal, o conservador John Roberts, que se juntou aos quatro juízes progressistas, contra os restantes quatro conservadores, e validou a lei, quase na íntegra. Invalidou apenas a parte sobre as penalizações orçamentais aos Estados que não participem no programa.

Os Estados republicanos tinham recorrido à Justiça, argumentando que a lei é inconstitucional e atentatória das liberdades individuais, por obrigar todos os cidadãos a contratarem um seguro de saúde.

Ao validar a lei, o Supremo dá a Barack Obama uma vitória política, a cerca de quatro meses das presidenciais de novembro.