Última hora

Última hora

Miss Holocausto gera polémica em Israel

Em leitura:

Miss Holocausto gera polémica em Israel

Tamanho do texto Aa Aa

Um concurso de Miss Holocausto é tema para fazer correr muita tinta em Israel, mas fez também desfilar no palco 14 sobreviventes dos horrores da guerra e galvanizou 300 candidatas em todo o país.

A ideia de coroar uma “Miss Sobrevivente do Holocausto” pareceu inapropriada a muita agente, mas os organizadores apresentaram o evento como a celebração da vida e as participantes agradecem:

“Tenho o privilégio de mostrar ao mundo inteiro que Hitler queria exterminar-nos mas estamos vivas e aproveitamos. Há momentos em que aproveitamos. Tivémos filhos, netos e estamos agradecidas por isso”, afirma Estee Libber.

Segundo o comité organizador, as 14 finalistas, com idades entre os 79 e os 97 anos, foram escolhidas em função da respetiva história pessoal e da forma como reconstruiram a vida depois da guerra.

Mas, a julgar pela escolha feita não se pode dizer que a beleza não era um critério.