Última hora

Última hora

Obama: decisão do Supremo Tribunal sobre reforma da Saúde é vitória para todo o país

Em leitura:

Obama: decisão do Supremo Tribunal sobre reforma da Saúde é vitória para todo o país

Tamanho do texto Aa Aa

Barack Obama promete melhorar a Lei dos Cuidados Acessíveis, depois do Supremo Tribunal dos Estados Unidos ter aprovado a emblemática reforma da saúde promovida pelo presidente norte-americano.

Obama frisou que “haverá um longo debate sobre a política por trás deste assunto, sobre quem ganhou ou perdeu. É assim que estas coisas tendem a ser vistas em Washington. Mas […] sejam quais forem as políticas, a decisão [desta quinta-feira] representa uma vitória para as pessoas, em todo o país, cujas vidas passarão a estar mais seguras graças a esta lei e à decisão do Supremo Tribunal”.

Uma vitória pessoal também para Barack Obama, a pouco mais de quatro meses das presidenciais. O futuro rival republicano já assumiu como “missão” substituir a lei.

Mitt Romney fez questão de sublinhar que “não está de acordo com a decisão do Supremo Tribunal, mas sim com a dissidência. O que o tribunal não fez na sua última sessão”, ele promete “fazer no primeiro dia em funções, se for eleito presidente dos Estados Unidos, ou seja, agir no sentido de revogar a ‘Obamacare’”.

Curiosamente, foi o apoio do presidente conservador do Supremo Tribunal que permitiu validar a constitucionalidade da Lei dos Cuidados Acessíveis, conhecida como “Obamacare”.