Última hora

Última hora

Maré Roja invade ruas de Espanha

Em leitura:

Maré Roja invade ruas de Espanha

Tamanho do texto Aa Aa

O triunfo de Espanha no Europeu de futebol foi celebrado por todo país. Em Madrid, a Praça Cibeles foi inundada por uma maré vermelha. La Roja conseguiu um feito inédito. Foi a primeira vez que uma seleção conseguiu um tri. Os pupilos de Vicente Del Bosque revalidaram o título europeu e pelo meio conquistaram o cetro mundial.

O triunfo no Euro 2012 permitiu aos espanhóis esquecer por umas horas os problemas com o outro euro. A crise económica foi chutada para canto e a fiesta foi rija. Além da seleção espanhola ter alcançado um feito inédito, os adeptos de futebol celebraram também a forma como a vitória foi obtida. O triunfo frente à Itália, por 4 a 0, foi o mais robusto da história dos campeonatos europeus de futebol. Com a vitória em Kiev, na Ucrânia, Espanha iguala a Alemanha que era a única equipa tricampeã europeia.

Mas no futebol, a alegria de uns faz a tristeza de outros. Em Itália, na cidade de Turim, o desalento podia ler-se nos rostos dos tifosi. A derrota, demasiado pesada, ensombra o percurso da Squadra Azzurra e mesmo o desempenho da equipa até ao 2 a 0 fatal, aos 41 minutos de jogo.

“Foi muito triste depois do segundo golo, tinha acabado tudo mas ficámos em segundo lugar o que também é bom” – afirma um adepto italiania.

“Foi uma desilusão mas já estávamos à espera. Os espanhóis mereceram ganhar mas não por 4 a 0. Mas continuamos a apoiar Itália e agora que venha o Mundial” – remata uma tifosa.

“Esta aventura azul conseguiu criar uma nova onda de entusiasmo em torno do futebol italiano, marcado recentemente por casos de jogos combinados e pelos escândalos das apostas ilegais” – Loreda Pianta, euronews em Turim.