Última hora

Última hora

PE contra travão da Finlândia e Holanda ao acordo de união bancária

Em leitura:

PE contra travão da Finlândia e Holanda ao acordo de união bancária

Tamanho do texto Aa Aa

Finlândia e Holanda ameaçam travar o acordo saído da cimeira europeia no sentido de flexibilizar o uso dos fundos de resgate na zona euro. A ideia é que estes possam comprar diretamente no mercado dívida soberana dos países mais endividados.

O presidente do Parlamento Europeu, que está reunido em sessão plenária, em Estrasburgo, mostrou-se desapontado com o possível revés.

“O maior problema na Europa é que uma decisão acabada de tomar, afinal não é tomada. Isto porque um dia depois ou nos seguintes, alguém ameça com o veto e bloqueia todos os outros. É um problema grande porque impede estabelecer um quadro em que os investidores reganhem confiança na Europa”, disse Martin Schulz.

A medida, que inclui também ajuda direta aos bancos em apuros, foi proposta pela Itália e Espanha. Com o apoio da França conseguiram convencer a Alemanha.

Em troca, aumenta-se a supervisão bancária e o controlo orçamental, num projecto de maior integração europeia.

O líder dos liberais diz que não há tempor a perder: “Acho que a última cimeira serviu essencialmente para ganhar tempo, tal como aconteceu em 2011. Isto é, tomam-se algumas medidas positivas, mas estas não resolvem definitivamente a crise. Para resolver definitivamente a crise, temos de o mais rapidamente possível estabelecer uma união económica, orçamental e política”, disse Guy Verhofstadt.