Última hora

Última hora

Argélia celebra meio século de independência

Em leitura:

Argélia celebra meio século de independência

Tamanho do texto Aa Aa

A Argélia festeja 50 anos de independência. O país alcançou a soberania depois de uma guerra sangrenta com a potência colonial, a França.

O presidente Abdelaziz Bouteflika, que é um antigo combatente, depôs uma coroa de flores no monumento dos mártires, em Argel, esta quinta-feira. As festividades, que se estendem durante 12 meses, foram lançadas na quarta-feira à noite com uma comédia musical na cidade portuária de Sidi Fredj, local do desembarque do corpo expedicionário francês em 1830.

Mas se os argelinos têm razões para festejar a independência, muitos criticam o balanço de cinco décadas de soberania. A libertação não trouxe a paz ao país. Primeiro foram os combates dos chefes pelo poder e nos anos 90 a Argélia viveu uma guerra civil sob o espetro do extremismo islâmico.