Última hora

Última hora

Turquia: Exéquias dos pilotos abatidos pela Síria

Em leitura:

Turquia: Exéquias dos pilotos abatidos pela Síria

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro ministro turco Tayyip Erdogan, militares de alta patente e líderes da oposição estiveram presentes na cerimónia fúnebre dos dois tripulantes do avião derrubado por forças sírias.
 
A cerimónia de correu na base militar de Malatya, de onde descolou o caça Phantom 4 no passado dia 22.
 
Os cadáveres dos dois pilotos foram recuperados a 1.200 metros de profundidade no Mar Mediterrâneo a cerca de 16 quilómetros da costa síria e muito perto dos destroços do avião, fragmentado em oito partes.
 
Segundo a Turquia, o caça foi derrubado em águas internacionais e sem pré-aviso, uma acusação negada pela Síria.