Última hora

Última hora

Rússia: Inundações matam centena e meia de pessoas

Em leitura:

Rússia: Inundações matam centena e meia de pessoas

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 150 mortos, é o novo balanço das vítimas das inundações. no sul da Rússia.

As equipas de socorro continuam à procura de corpos ou pessoas bloqueadas pelas águas.
As autoridades abriram um inquérito para averigar as causas da subida repentina do nível da água, nesta região onde chove há cerca de um mês consecutivamente.

Vladimir Putin sobrevoou ontem a área inundada, prometeu ajuda financeira para a reconstrução das habitações destruídas e interessou-se pelos rumores sobre a possível abertura de válvulas de um reservatório de água.

A Agência Nacional de Recursos Hídricos nega que as válvulas do reservatório de Krymsk tenham sido abertas ou que tenha havido qualquer fuga de água por razões técnicas.

A justiça deu início a um processo de acusação de “morte por negligência”. O procurador fala de fugas sistemáticas de água do reservatório, mas diz que ainda é cedo para concluir se estiveram na origem da tragédia.