Última hora

Última hora

Arábia Saudita: Xiitas protestam depois da detenção de clérigo

Em leitura:

Arábia Saudita: Xiitas protestam depois da detenção de clérigo

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de muçulmanos xiitas participaram, esta quarta-feira, na província de Qatif, na Arábia Saudita, no funeral de um homem, assassinado durante uma manifestação, no domingo.

Os confrontos com a polícia ocorreram depois da detenção de um clérigo xiita, crítico do governo.

Os ativistas dizem ser vítimas do escalar da tensão entre a maioria sunita, da Arábia Saudita, e a maioria xiita do Irão.

“Por que é que vocês não atacam o ‘país estrangeiro’. Por que nos atacam a nós, umas poucas dezenas de pobres almas, se o responsável é um ‘país estrangeiro’? Ataquem, então, a origem do problema, o Irão. Se é o Irão que querem então ataquem-no e vamos ver do que vocês são capazes”, desafia o clérigo xiita, Sheikh Nimr al-Nimr.

A Arábia Saudita é o maior exportador mundial de petróleo e um aliado Estados Unidos, na região. A monarquia sunita tem conseguido, até agora, evitar os protestos da “Primavera Árabe” que derrubaram os líderes da Tunísia, Egito, Líbia e Iémen.