Última hora

Última hora

Srebrenica: Mais de 30 mil pessoas recordam vítimas do genocídio

Em leitura:

Srebrenica: Mais de 30 mil pessoas recordam vítimas do genocídio

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de trinta mil pessoas assistiram, esta quarta-feira, à cerimónia que assinala o décimo sétimo aniversário do massacre de Srebrenica, na Bósnia e Herzegovina.

Durante a solenidade, foram sepultadas, no Memorial de Potocari, mais de 500 vítimas do massacre, encontradas e identificadas em 2011.

Esta é a primeira vez que se assinala um aniversário do genocídio desde que os principais responsáveis, Ratko Mladic e Radovan Karadzic, estão atrás das grades e a serem julgados pela justiça internacional em Haia.

A assistir à cerimónia estiveram pessoas de vários credos, mostrando assim que esta é uma ferida sentida por toda a humanidade.

A 11 de julho de 1995, poucos meses antes do fim da Guerra da Bósnia, as tropas sérvias tomaram o controlo de Srebrenica, um enclave muçulmano.

A região era proclamada como “zona protegida” pelas Nações Unidas.

Cerca de 8 mil homens e adolescentes foram assassinados em poucas horas.