Última hora

Última hora

O relato dos sobreviventes da avalanche no Monte Branco

Em leitura:

O relato dos sobreviventes da avalanche no Monte Branco

Tamanho do texto Aa Aa

Um atraso de alguns minutos permitiu que vários alpinistas sobrevivessem à avalanche de ontem no Monte Branco.

Entre os vários grupos colhidos pelo deslizamento de neve, pelo menos 11 alpinistas escaparam à morte com alguns ferimentos.

O guia de montanha Daniel Rossetto escapou ao pior, depois de ter adormecido, chegando atrasado ao ponto de partida.

“Saímos mais tarde do que o primeiro grupo, o que nos ajudou pois estávamos longe do centro da avalanche. A neve derrubou-nos e foi-nos cobrindo aos poucos, até que começou a abrandar e pudemos levantar-nos pelo próprio pé”.

Um alpinista dinamarquês teve igualmente sorte depois de ter resistido à violência de toneladas de neve.

“Estava a subir um dos caminhos de gelo quando, de repente, começo a ver a cair grandes blocos de neve, e disse para mim, se um destes nos cai em cima não podemos resistir. E um segundo depois, tudo veio abaixo e fomos arrastados pela neve”.