Última hora

Última hora

Espanha: Manifestação espontânea de funcionários públicos contra a austeridade

Em leitura:

Espanha: Manifestação espontânea de funcionários públicos contra a austeridade

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de funcionários públicos manifestaram-se este domingo nas ruas da capital espanhola. O protesto de Madrid surgiu de forma espontânea depois do apelo à mobilização nas redes sociais. Estes trabalhadores da função pública demarcam-se também da luta política, nomeadamente ao manifestarem-se espontaneamente dias antes do protesto convocado pelas principais centrais sindicais. Entre os participantes encontravam-se também vários polícias. “Mão ao alto, isto é um assalto!” – foi um dos muitos slogans gritados pelos manifestantes.

A sede do Partido Popular, do primeiro-ministro Mariano Rajoy, e o parlamento espanhol foram alguns dos pontos por onde passou esta marcha que se desenrolou sem programa definido.

“Espanha está numa situação difícil mas não pode ser resolvida apenas pelos funcionários públicos. Tem de ser resolvida por todos. Deram uma amnistia fiscal a gente que andou a roubar e a mim cortaram-me o salário três vezes, o que é isto?” – questiona um bombeiro.

O governo anunciou a semana passada um plano de austeridade para tentar poupar 65 mil milhões de euros até 2014. Entre outras medidas, o executivo cortou o subsídio de natal aos funcionários e subiu as taxas do IVA.