Última hora

Última hora

Pressão sobre Budapeste leva à detenção de Csatary

Em leitura:

Pressão sobre Budapeste leva à detenção de Csatary

Tamanho do texto Aa Aa

   
Laszlo Csatary foi detido em Budapeste onde vivia há 17 anos.
 
O antigo chefe da polícia húngaro, hoje, com 97 anos de idade é acusado de ter enviado milhares de judeus para o campo de concentração de Auschwitz durante a II Guerra Mundial.
 
Csatary foi localizado na capital húngara, este fim de semana, 64 anos depois de ter sido julgado à revelia e condenado à morte por um tribunal checo.
 
Durante vários anos viveu no Canadá com uma identidade falsa de onde fugiu em 1995, depois de ter sido descoberto.
 
A detenção ocorre depois do Centro Simon Wiesenthal ter apresentado novas provas à Procuradoria de Budapeste sobre o envolvimento do ex chefe da polícia em crimes nazis.  
 
Csatary continua a negar as acusações.