Última hora

Última hora

Uma guerra invisível

Em leitura:

Uma guerra invisível

Tamanho do texto Aa Aa

O novo filme documentário “The Invisible War” premiado no Festival Sundance continua a atrair as atenções, devido ao foco intenso nas centenas de mulheres que, todos os anos, são vítimas de violência sexual dentro do exército dos Estados Unidos.

No filme, os realizadores Kirby Dick e Amy Ziering exploram as violações nas forças armadas americanas e a posição distante do governo face aos crimes. O maior obstáculo que as vítimas enfrentam é a inexistência de um tribunal onde apresentarem queixa, apenas existe um comando oficial que tem a responsabilidade de dar seguimento à acusação ou ignorá-la.“The Invisible War” sugere que, muitas vezes, as queixas são ignoradas.