Última hora

Última hora

Rússia: Opositores reúnem-se no centro de Moscovo

Em leitura:

Rússia: Opositores reúnem-se no centro de Moscovo

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de um milhar de opositores russos juntaram-se esta quinta-feira no centro de Moscovo para protestar contra a prisão de ativistas após a grande manifestação de maio contra o presidente Vladimir Putin.

O encontro foi convocado pelo Comité 6 de Maio, uma organização que defende os direitos de manifestantes detidos pela polícia.

“Devemos mostrar a essas pessoas, aos familiares e a nós próprios que estamos solidários e que não os abandonaremos. Estaremos sempre com eles”, afirmou o ativista Alexei Navalny.

Estive presente naquela marcha e vi o que aconteceu. As autoridades fizeram provocações. Por pouco não fui espezinhado. O mesmo aconteceu aos outros e agora somos acusados de agredir e fazer desacatos”, disse Sergei Udaltsov da Frente de Esquerda.

Desde a manifestação de 6 de maio das 14 pessoas acusadas de perturbar a ordem pública e de desacatos, doze continuam detidas.

“Ontem mais dois participantes da marcha da Praça Bolotnaya foram presos o que eleva para 12 o número de detidos, a quem o Comité 6 de Maio chama “reféns das autoridades”, refere Alexander Shashkov, da Euronews.