Última hora

Última hora

O estranho caso dos reféns italianos em Damasco

Em leitura:

O estranho caso dos reféns italianos em Damasco

Tamanho do texto Aa Aa

É uma estória com contornos pouco precisos: a televisão estatal síria divulgou imagens que, supostamente, confirmam a libertação de dois cidadãos italianos feitos reféns em Damasco, no passado dia 17. Ao que tudo indica, foi o exército fiel ao regime que conseguiu resgatar os dois funcionários do grupo energético Ansaldo, não se sabendo quem afinal os mantinha em cativeiro.

Domenico Tedeschi conta que ambos integravam um grupo que se dirigia ao aeroporto da capital síria, quando vários jovens encapuçados os intercetaram.

De acordo com Oriano Catani, os sequestradores eram entre 10 a 15, armados com kalashnikovs, granadas, bazucas.

Nenhum dos homens terá sido vítima de maus tratos. O governo italiano ainda não se pronunciou oficialmente sobre este desfecho.