Última hora

Última hora

Começaram a ser julgadas artistas que desafiaram Vladimir Putin

Em leitura:

Começaram a ser julgadas artistas que desafiaram Vladimir Putin

Tamanho do texto Aa Aa

Começou o julgamento das artistas da banda punk russa, Pussy Riot.

As três jovens acusadas de vandalismo motivado por ódio religioso incorrem numa pena que pode chegar aos sete anos de prisão.

O julgamento é visto como um teste à tolerância do chefe de Estado e ao poder que a igreja Ortodoxa exerce na Rússia.

Organizações de Defesa dos Direitos Humanos insistem que a decisão do tribunal não vai depender lei, mas sim do Kremlin.

Esta manhã, dezenas de pessoas concentraram-se em frente ao tribunal para pedir justiça num processo que a defesa justifica com motivações políticas.

As jovens com idades entre os 22 e os 29 anos foram detidas depois de uma atuação na Catedral de Cristo Salvador onde pediam o afastamento de Vladimir Putin do poder.