Última hora

Última hora

Espanha e Itália não ponderam pedido de ajuda

Em leitura:

Espanha e Itália não ponderam pedido de ajuda

Tamanho do texto Aa Aa

Pedir ajuda ao fundo europeu de resgate não está nos planos de Espanha e Itália, apesar da ausência de ações imediatas do BCE e da pressão do mercado. Os chefes de governo espanhol e italiano consideram positivas as palavras de Mario Draghi, mas querem que seja implementado a acordo da cimeira de junho.

No final do encontro com o homólogo espanhol, o italiano Mario Monti diz que terá de examinar as condições de recurso ao fundo de resgate antes de tomar uma decisão. Já Mariano Rajoy foi categórico: “Em Espanha, vamos continuar a trabalhar para respeitar os nossos compromissos em relação ao défice público, para reduzir a dívida, e vamos continuar com as reformas estruturais”.

Em Espanha, digerem-se também os dados do desemprego. Em julho, o número de inscritos nos centros de emprego recuou 0,6%. Mas há ainda 4,6 milhões de pessoas sem trabalho e as contratações nem plena época balnear não compensam os despedimentos noutros setores.