Última hora

Última hora

Luz verdes para novos cortes na Grécia

Em leitura:

Luz verdes para novos cortes na Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

Os partidos políticos gregos chegaram a acordo sobre novas medidas de austeridade.

O objetivo é poupar 11,5 mil milhões de euros até 2014 tal como exigem os parceiros europeus para continuar a financiar Atenas.

O ministro das Finanças, Yannis Stournaras, garante que a margem de manobra é reduzida que sem um entendimento a Grécia seria obrigada a abandonar os 17:

“Esta é uma condição necessária para que o país continue na zona euro. Por isso, decidimos avançar com cortes públicos e redução das despesas no valor de 11,5 mil milhões de euros.”

O novo pacote deve estar definido até ao final deste mês.

No final do encontro, o líder do partido de centro-esquerda Dimar, Fotis Kouvelis, garantiu que as medidas vão ter o menor impacto social possível:

“Consideramos que esta situação não deve ser um fardo para a classe trabalhadora e não vamos avançar com medidas que representem um peso para a sociedade.”

O executivo grego prepara-se para cortar nos benefícios sociais e no valor das pensões. Medidas que prometem levar para a rua milhares de pessoas, à semelhança do que tem acontecido ao longo dos últimos meses.