Última hora

Última hora

População de Allepo debaixo das bombas

Em leitura:

População de Allepo debaixo das bombas

Tamanho do texto Aa Aa

O horror da guerra na Síria é cada vez maior e ninguém sabe até onde poderá chegar.

Os rebeldes do Exército Livre dizem que controlam 50% do território de Alepo, no entanto o regime continua determinado a pôr fim à revolta.

As bombas têm caído nas últimas horas sobre os bairros daquela que é a cidade mais populosa e capital económica do país.

As forças do presidente Bashar al-Assad mataram mais de 80 pessoas em uma série de ataques em todo o país desde a noite de quinta-feira segundo a ONU.

Em pânico a população que tem meios para fugir tomou o caminho dos aeroportos. Foi o caso dos arménios que viviam em Allepo e que se encontram agora a salvo.

“O que se passa é horrível espero que as coisas estejam resolvidas dentro de semanas, espero que possamos voltar em breve”.

“Não acreditem em tudo o que vos contam na televisão, são uns mentirosos. Os terroristas estão a usar a força contras as pessoas e o governo está a tentar eliminá-los”.

Nas últimas duas semanas, o Exército vem reforçando posições em Aleppo e arredores, e realiza bombardeios diários com artilharia e aviões contra bairros dominados pelos insurgentes.