Última hora

Última hora

EUA: Sanduíche de franco contra casamento gay

Em leitura:

EUA: Sanduíche de franco contra casamento gay

Tamanho do texto Aa Aa

As associações homossexuais dos Estados Unidos convocaram, sexta-feira, um “Dia do Beijo” em frente aos restaurantes “Chick-fil-A”.

Este foi o modo encontrado para protestarem contra as declarações do dono da cadeia de restaurantes. Para Dan Cathy os Estados Unidos “estão a convidar o julgamento de Deus, dizendo “que sabem melhor o que é um casamento”.

Os promotores da iniciativa dizem que essas declarações “não passam de ódio, raiva e intolerância contra uma coisa que não afeta a vida deles.”

A controvérsia não parece afetar os negócios da cadeia de restaurantes. São muitos os que que querem comer uma sanduíche de frango e mostrar que são contra o casamento de pessoas do mesmo sexo.

“A mensagem dele veio de um coração cristão e de uma crença de que ele acredita no Senhor, em Deus. Essa é a crença dele, assumiu-a e respeito-o muito por isso. Estou aqui a apoiá-lo por causa disso”, diz uma apoiante de Cathy.

Na quarta-feira, Mike Huckabee, ex-candidato às
presidenciais apoiou, publicamente Cathy.

Uma simples sanduíche de frango torna-se, assim, numa declaração política contra ou a favor do casamento gay.