Última hora

Última hora

Jamaica celebra os heróis

Em leitura:

Jamaica celebra os heróis

Tamanho do texto Aa Aa

Depois de Bob Marley, a Jamaica tem novos heróis.
Não um, nem dois: Três jamaicanos nos três lugares do pódio dos 200 metros, nos Jogos Olímpicos, prova de que este é um país pequeno mas tem mesmo os homens mais velozes do mundo.

“Estou tão contente por ser jamaicana. Viva Usain Bolt, Yohan Blake e Warren Weir”, diz uma mulher entre a multidão que celebrou a vitória em Kingston.

O primeiro a cortar a meta foi o inevitável Usain Bolt, que revalidou o título olímpico, como tinha feito já nos 100 metros. É mais um ícone deste país da Commonwealth, no ano em que celebra 50 anos de independência.