Última hora

Última hora

PKK: 28 anos de violência

Em leitura:

PKK: 28 anos de violência

Tamanho do texto Aa Aa

A primeira operaçao armada do PKK foi há 28 anos. Mas o dia de hoje ficou de novo marcado por um aniversário de violência.

Os conflitos tiveram lugar entre militantes e a polícia, na província de Hakkari, no sudeste da Turquia. Perto de 150 membros deste grupo étnico atiraram pedras e outros objetos contra as forças de segurança, que responderam com canhões de água e gás lacrimogéneo.

O PKK – Partido dos Trabalhadores do Curdistão
começou a atuar em 1984 reivindicando a independência da população curda da Turquia.

O governo turco acredita que as recentes ações do PKK estão relacionados com a escalada de violência na Síria. A última destas ações foi o sequestro de um deputado da oposição, Huseyin Aygun, do Partido Republicano.

O PKK é considerado uma organização terrorista pela Turquia e por grande parte da comunidade internacional. Nas últimas semanas, o o grupo separatista matou dois soldados e feriu onze pessoas em dois ataques no país.