Última hora

Última hora

Supremo indiano confirma pena de morte para responsável pelos atentados de Bombaim

Em leitura:

Supremo indiano confirma pena de morte para responsável pelos atentados de Bombaim

Tamanho do texto Aa Aa

Mohamed Kasab viu confirmada a pena de morte, pelo Supremo Tribunal da Índia. Kasab é o único sobrevivente do comando de 10 terroristas responsável pelos atentados de 2008 em Bombaim.

O paquistanês, de 24 anos, já tinha sido condenado à morte, em 2010. E tem vindo de recurso em recurso até ao Supremo, alegando que o processo não foi justo.

Como explica Gopal Subramanium, do ministério público: “Durante vários meses, foram apresentados argumentos pormenorizados, que envolviam questões relacionadas com o direito criminal, o direito constitucional, os direitos do acusado e mesmo certos elementos de direito público internacional no conceito de ofensa ao Estado indiano.”

Nada a fazer. O supremo confirmou a decisão. Mohamed Kasab é condenado à pena de morte, considerado culpado de homicídio, atos de guerra contra a Índia, conspiração e terrorismo.

Em novembro de 2008, 10 terroristas atacaram locais estratégicos de Bombaim, matando 166 pessoas e ferindo mais de trezentas.

Kasab pode ainda pedir a graça do novo presidente da Índia, pouco provável para o responsável do chamado “11 de Setembro indiano”.