Última hora

Última hora

Espanha prepara-se para a subida do IVA

Em leitura:

Espanha prepara-se para a subida do IVA

Tamanho do texto Aa Aa

Este sábado, entra em vigor a subida do IVA em Espanha.

A taxa máxima passa de 18 para 21% e a intermédia de 8 para 10%. O nível super-reduzido, aplicado a produtos como alimentos frescos, jornais e medicamentos, mantém-se nos 4%.

Com estes aumentos, prevê-se que as famílias espanholas gastem mais 470 euros por ano, dinheiro que vai entrar nos cofres do Estado, que deve arrecadar com estas alterações 7 500 milhões de euros em 2013.

Os transportes passam a ser taxados a 10%, numa altura em que o setor já se encontra pressionado pelo aumento dos preços dos combustíveis.

As faturas da eletricidade, gás e telefone, que integram o escalão máximo do IVA, vão sofrer um aumento de 3%. Na água o agravamento é de 2%.

O mesmo acontece em restaurantes, bares e hotéis, agora taxados a 10%.

Do escalão mínimo para o máximo passam os restaurantes com espetáculos, bilhetes para eventos culturais, cabeleireiros, serviços fúnebres, flores e plantas e compra de obras de arte.

No material escolar, aplica-se o IVA a 4% sobre mapas e livros e a 21% sobre mochilas, tesouras ou plasticina.