Última hora

Em leitura:

Mais de 40 detidos em protestos na Rússia


Rússia

Mais de 40 detidos em protestos na Rússia

Cerca de 30 pessoas foram detidas pelas autoridades russas em Moscovo.
Os detidos participavam num protesto não autorizada que defende o artigo 31 da Constituição russa, que garante a liberdade de reunião.
Estas manifestações têm acontecido todos os dias 31 de cada mês.
E o presidente Vladimir Putin é o principal alvo das críticas.
Em São Petersburgo, outro comício não autorizado, com mais de 300 pessoas também terminou com detenções. 14 pessoas foram levadas pela polícia, de acordo com o Ministério do Interior.
Para 15 de setembro está marcada uma grande marcha em Moscovo. O pedido de autorização de reunião foi entregue esta terça-feira às autoridades russas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Espanha: Fogo obriga a evacuação das imediações de Marbella