Última hora

Última hora

Uma exibição que mete muita água

Em leitura:

Uma exibição que mete muita água

Tamanho do texto Aa Aa

O fotógrafo austríaco Andreas Franke aventurou-se nas profundezas do Oceano Atlântico para combinar duas paixões: o mergulho e a fotografia.
Esta é possivelmente a maior galeria de arte subaquática. Localizada nas águas profundas de Key West, na costa da Florida, a cerca de 150 metros de profundidade, exatamente no local onde descansam os destroços do antigo navio americano Vandenberg.

O navio foi afundado intencionalmente em 2009 para criar um recife artificial. Os mergulhadores podem admirar um total de 12 fotografias e ver como se transformam debaixo de água. Esta exposição subaquática mete muita água, mas é um sucesso.