Última hora

Última hora

Clandestinos expulsos de ilhéu espanhol junto a Marrocos

Em leitura:

Clandestinos expulsos de ilhéu espanhol junto a Marrocos

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades espanholas expulsaram durante a noite os clandestinos que se encontravam na Isla de Tierra. O ilhéu deserto e rochoso situa-se junto à costa marroquina e é acessível a nado. Há alguns dias que 83 imigrantes se encontravam no local. A operação foi executada em conjunto pelas autoridades de Espanha e de Marrocos. Os agentes da Guarda Civil conduziram 73 clandestinos de barco até à praia onde se encontravam militares marroquinos. Os restantes dez imigrantes, nomeadamente mulheres e crianças, foram levados para Melilha.

O ministro espanhol dos Negócios Estrangeiros, José Manuel Garcia Margallo, mostrou-se convencido que os imigrantes tinham sido conduzidos até ao ilhéu por grupos mafiosos.

Os clandestinos entregues aos militares marroquinos deverão ser repatriados nos próximos dias. As autoridades de Rabat expulsaram do país duas centenas de imigrantes ilegais na segunda-feira, a esmagadora maioria tinha tentado entrar nos enclaves espanhóis de Ceuta e Melilha.