Última hora

Em leitura:

Nigerianos passam fome na Ucrânia para jogar futebol


Desporto

Nigerianos passam fome na Ucrânia para jogar futebol

Treze jogadores nigerianos de futebol chegaram à Ucrânia em Julho para tentar encontrar um clube de futebol no país. Foram trazidos pelo próprio empresário e estão a viver num campo de férias abandonado em Dnipropetrovsk. As autoridades já descobriram o local e os futebolistas têm até meados de setembro para encontrar trabalho, caso contrário serão deportados.

“Nós temos um empresário nigeriano que nos trouxe até aqui. Ele está em Donetsk para tentar encontrar um ou dois clubes para todos nós”, explicou Michael Eggiong Nse que jogava num clube do principal campeonato nigeriano.

Segundo os média locais, do grupo inicial, só um deles terá assinado contrato com um clube da terceira divisão de Donetsk e três estão a treinar em clubes locais à espera de serem contratados. Os restantes continuam no campo de férias.

“Nós rezamos todos os dias para que Deus nos possa dar um clube e temos fé e esperança que vamos encontrar um clube neste país”, revelou um deles.

De acordo com os relatos, o grupo de futebolistas treina todos os dias, mas tem apenas quinze euros à disposição para comer, alguns habitantes da região têm contribuído com comida e alguma assistência, mas os futebolistas vivem em condições degradantes.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

Desporto

Hulk no Zenit por valor recorde de 60 milhões