Última hora

Última hora

Glencore mantém proposta de fusão sobre a Xstrata

Em leitura:

Glencore mantém proposta de fusão sobre a Xstrata

Tamanho do texto Aa Aa

Glencore, o maior grupo mundial de transação de matérias-primas, não vai aumentar a licitação sobre a Xstrata.

Esta segunda-feira, a Glencore anunciou que vai manter a oferta feita sobre o grupo de exploração mineira, do qual já detém 34 por cento do capital. A base da fusão prevê uma correspondência de 3 ações da Glencore por cada uma da Xstrata, em vez das 2,8 inicialmente, o que representa uma valorização potencial de cerca de 29 mil milhões de euros, ou 27 por cento mais do que os mercados registaram na semana passada.

Em Londres, onde os dois grupos suíços se movimentam, esta oferta fez disparar os títulos da Xstrata, que subiu 1,7 por cento. Já a Glencore perdeu 2,1 por cento, com os investidores a recearem os efeitos do rácio proposto.

No entanto, é sabido que a Xstrata esperava mais. O seu segundo acionista, o fundo soberano do Qatar, bloqueou o negócio em junho, pedindo 3,25 por cada unidade. E o facto da Glencore pretender manter os seus executivos à frente do futuro grupo é considerado como um fator de risco, diz a Xstrata, que deveria corresponder a um prémio adicional.

Esta saga começou em fevereiro. Em apenas oito meses, a Xstrata desvalorizou 18 por cento e a Glencore perto de 20. A resposta deverá ser anunciada no próximo dia 24.