Última hora

Última hora

Hungria: Antigo comunista acusado de crimes de guerra

Em leitura:

Hungria: Antigo comunista acusado de crimes de guerra

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça húngara acusou um antigo dirigente comunista de crimes de guerra e ordenou a sua prisão domiciliária. Bela Biszku, que completa 91 anos esta semana, é acusado de ter ordenado à polícia para disparar contra manifestantes durante a repressão à insurreição de 1956. Biszku é tido como responsável pela morte de 51 pessoas.