Última hora

Última hora

Europeístas vencem eleições na Holanda

Em leitura:

Europeístas vencem eleições na Holanda

Tamanho do texto Aa Aa

O partido liberal de direita, do primeiro-ministro Mark Rutte, venceu as eleições legislativas na Holanda, e garante 41 dos 150 deputados, contra 37 dos trabalhistas do PvDA.

Os partidos eurocéticos, tanto de direita como de esquerda, são os grandes perdedores da noite e Rutte fica com a possibilidade de voltar a fazer um governo de coligação.

No discurso da vitória Rutte considera este resultado “um empurrão” para continuar com a política de segurança, de imigração e de desenvolvimento económico.

Os liberais e trabalhistas conseguiram capitalizar o voto de grupos menores, como os democratas-cristãos e os verdes.

O líder trabalhista, Diederik Samsom, mostrou -se disposto a apoiar uma coligação estável:

“A Holanda precisa de um governo estável e nós estamos prontos para cooperar nessa causa a partir desta noite e estamos aberts a participar na criação do governo. “

A vitória de liberais e trabalhistas representa o triunfo do europeísmo, segundo alguns analistas.

O Partido pela Liberdade o polémico Geert Wilders, que defendia a saída do euro, mantém-se a terceira força do país, mas vai contar com apenas 15 deputados, nove a menos que nas eleições anteriores.

Em Amesterdão esta manhã o enviado da Euronews dizia que há dez “os inimigos da europa e os eurocépticos embaraçam os políticos mas a partir de hoje os holandeses aprecem ter encontrado o caminho rumo à Europa mesmo no meio da crise económica”.