Última hora

Última hora

Bento XVI apela a dirigentes árabes para que ajam pela paz na Síria

Em leitura:

Bento XVI apela a dirigentes árabes para que ajam pela paz na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

O Papa Bento XVI terminou hoje a visita de três dias ao Líbano com uma missa campal frente a centenas de milhares de pessoas reunidas em Beirute.

Após uma deslocação dominada pelos apelos à paz na Síria e ao fim da venda de armas ao regime de Bashar al-Assad, o sumo pontíficie dirigiu-se hoje aos dirigentes árabes para pedir, “uma solução de paz duradoura para o conflito sírio”.

O Papa apelou ainda à população libanesa para seja um exemplo de coabitação religiosa, num momento em que os confrontos no país vizinho ameaçam aumentar a tensão entre as diversas comunidades do país.

O presidente libanês e único chefe de estado cristão da região, Michel Sleimane, assim como 17 bispos de países do médio oriente participaram igualmente na missa.

Numa crítica velada ao fundamentalismo islâmico, o papa afirmou ainda que é importante que, “as revoluções árabes respeitem a tolerância religiosa”, e que, “quem quer atingir a paz deixe de ver no outro um mal a eliminar”.