Última hora

Última hora

La Plata testa sistema de vigilância a adolescentes

Em leitura:

La Plata testa sistema de vigilância a adolescentes

Tamanho do texto Aa Aa

As ruas de La Plata na Argentina estão dotadas de um novo sistema de vigilância. Objetivo: controlar os adolescentes que frequentam a vida noturna.

Com o novo plano de prevenção da vida noturna, as autoridades convidam os pais dos jovens adolescentes a controlarem os filhos através de uma aplicação criada para smartphones que lhes dá acesso às imagens captadas pelas câmaras que se encontram no exterior.

“Nós queremos garantir que os jovens podem sair à noite e divertir-se de maneira segura e evitar os excessos. Queremos ter a certeza de que os estabelecimentos não vendem álcool ilegalmente, que os clubes não deixam entrar um número de pessoas acima das suas capacidades”, defende Julio Hernadez.

Depois de se inscreverem no programa de prevenção os pais poderão ajudar as autoridades através de visitas a bares e discotecas.

“É chocante porque estão a ser invasivos. Se nos estão sempre a vigiar não é bom. É extremamente repressivo, na minha opinião” afirma Laura Beltran, jovem habitante de La Plata.

Na memória de muitos argentinos está ainda o incêndio de 2004 que matou 194 pessoas numa discoteca sobrelotada. O projeto foi lançado esta semana e vai ser testado durante seis meses.