Última hora

Última hora

Turquia: Três antigos generais condenados a pena de prisão perpétua

Em leitura:

Turquia: Três antigos generais condenados a pena de prisão perpétua

Tamanho do texto Aa Aa

O tribunal de Silivri, na Turquia, condenou a uma pena de prisão perpétua três antigos generais acusados de “uma tentativa frustrada de golpe militar” contra o Governo de Tayyip Erdogan, em 2003.

No entanto, Cetin Dogan, o presumível “cérebro” das operações, bem como Ozden Ornek e Ibrahim Firtina só deverão cumprir, diz o mesmo tribunal, uma pena de 20 anos, devido ao falhanço das operações.

34, de um total de 365 militares sentados no banco dos réus, foram absolvidos no âmbito do megaprocesso. Os restantes continuam à espera de uma sentença.

Os acusados, alguns deles reformados em idade avançada, falam num “ajuste de contas” e dizem que o veredicto é “mais político do que jurídico.”