Última hora

Última hora

Qatar investe nos bairros sociais de França

Em leitura:

Qatar investe nos bairros sociais de França

Tamanho do texto Aa Aa

O Qatar vai investir nos subúrbios franceses. A notícia foi avançada pela imprensa gaulesa, esta segunda-feira, apesar do governo manter o silêncio.

O projeto foi reavivado pelo presidente François Hollande, que no final de agosto recebeu em Paris o Emir do Qatar.

O emirado do Golfo vai avançar com 50 milhões de euros e o Estado francês espera encontrar parceiros privados para duplicar o fundo que se destina a apoiar pequenos projetos empresariais.

“Atualmente ninguém quer financiar. Este dinheiro é portanto uma sorte. Se podemos ter este dinheiro e utilizá-lo para criar empregos é uma benção para os subúrbios e para as pessoas que aí podem trabalhar” – explica um jovem empreendedor.

O projeto de financiamento dos bairros desfavorecidos pelo emirado nasceu o ano passado mas foi congelado durante a campanha eleitoral para evitar os ataques da extrema-direita.

“O Qatar financia esses subúrbios unicamente porque são habitados maioritariamente por muçulmanos. Trata-se por isso de um investimento religioso” – acusa a dirigente da Frente Nacional, Marine Le Pen

“Não pode haver um princípio de recusa neste caso, e em particular como o faz Marine Le Pen só porque se trata de um país muçulmano” – responde o deputado socialista François Pupponi.

O Qatar é acionista de seis empresas cotadas no CAC-40, o índice da bolsa de Paris,, comprou o clube de futebol PSG e possui alguns dos melhores hotéis de França.