Última hora

Última hora

Espanha: Polícia antecipa-se à manifestação "Cercar o Congresso"

Em leitura:

Espanha: Polícia antecipa-se à manifestação "Cercar o Congresso"

Tamanho do texto Aa Aa

Em antecipação a vários protestos marcados para esta terça-feira, um forte dispositivo policial, com controlos a pessoas e veículos, foi montado em redor do Congresso de Deputados em Madrid.

Doze marchas e manifestações foram programadas para o centro de Madrid, entre as quais três simultâneas relacionadas com o protesto “Cercar o Congresso” durante o plenário da tarde de hoje.

Todos os peões que desde a madrugada querem entrar na zona fechada do Congresso têm que demonstrar que aí vivem ou trabalham e o trânsito está condicionado em várias ruas próximas.

“ A única coisa que queremos é libertar o Congresso porque estamos numa democracia em que a classe política em conivência com os poderes económicos, ou seja, os banqueiros, os fundos de investimento, etc… sequestraram a nossa democracia”, disse um dos manifestantes.

As autoridades espanholas declararam “tolerância zero” para com manifestantes que tentem cercar o Congresso.

“ Isto é um sinal forte que lançamos aos políticos para que o resgate que pode ser o suicídio de Espanha não aconteça”, disse um outro.

O protesto foi convocado pela “Coordinadora 25S” e pela “Plataforma en Pie”, que defendem uma agenda de desobediência civil, protestos e uma “assembleia permanente” de cinco dias de duração nas imediações do Congresso de Deputados.