Última hora

Última hora

Irão: a "bomba" de Nethanyahu na Assembleia-Geral da ONU

Em leitura:

Irão: a "bomba" de Nethanyahu na Assembleia-Geral da ONU

Tamanho do texto Aa Aa

Face à renitência dos Estados Unidos e da União Europeia, o primeiro-ministro israelita não hesitou em utilizar a tribuna da ONU para alertar para o risco de uma bomba nuclear iraniana.

Durante o seu discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas, Benjamin Nethaniahu, afirmou que espera poder organizar com Washington uma estratégia para prevenir que o Irão desenvolva uma bomba nuclear.

Apresentando um desenho sugestivo de uma bomba dividida em vários níveis, Nethanyahu afirmou, “o Irão está na segunda fase e com o atual nível de enriquecimento de urânio poderá passar a um nível superior e entrar na última fase, o mais tardar na próxima primavera. A partir de então, bastarão apenas alguns meses, possivelmente algumas semanas, antes que consiga obter urânio enriquecido suficiente para produzir uma primeira bomba”.

O presidente norte-americano, Barack Obama, anunciou, esta noite, que pretende falar, por telefone, com Nethanyahu esta sexta-feira.

A Casa Branca tinha igualmente desementido as informações de que Obama teria rejeitado uma reunião com o responsável israelita, alegadamente por opor-se à “linha dura” sobre o Irão assumida por Nethanyahu.