Última hora

Última hora

Eleições legislativas na Geórgia

Em leitura:

Eleições legislativas na Geórgia

Tamanho do texto Aa Aa

As assembleias de voto abriram hoje na Geórgia às 8:00 locais para as eleições legislativas, num ambiente de alta tensão política, após uma campanha marcada por forte violência verbal e divulgação de matérias comprometedores.

A importância deste escrutínio reside no facto de poder vir a ser uma espécie de ponte para o Presidente Saakachvili continuar à frente dos destinos do país.

Emendas na constituição preveem que o Presidente eleito em 2013 passe a ter menos poderes que o atual. Em caso de vitória do seu partido, Saakachvili poderá continuar à frente dos destinos do país.

No escrutínio participam duas coligações eleitorais e 14 partidos, mas todas as atenções estão centradas no Movimento Nacional Unido, do presidente Saakachvili, e o Sonho Georgiano, coligação dirigida pelo multimilionário Bidzina Ivanichvili e Kakha Kaladzé, antigo jogador do Milan.

Cerca de 3,6 milhões de eleitores são chamados às urnas para eleger 150 deputados. Setenta e sete serão eleitos em círculos maioritários e 73 serão escolhidos em círculos uninominais.