Última hora

Última hora

França: marcha branca em memória de jovens assassinados por gangue adolescente

Em leitura:

França: marcha branca em memória de jovens assassinados por gangue adolescente

Tamanho do texto Aa Aa

Na cidade francesa de Echirolles, perto dos Alpes, dez mil pessoas participaram numa marcha em homenagem a dois jovens assassinados por um gangue de adolescentes na passada sexta-feira.

Vestidos de branco, os participantes pediam justiça para Kevin e Sofiane, de 21 anos, esfaqueados durante uma aparente rixa em frente a um liceu do bairro de Villeneuve, na cidade vizinha de Grenoble.

Uma antiga professora de uma das vítimas diz que “nos bairros difíceis, tenta-se fazer com que as leis da República se sobreponham à lei do bairro, mas desta vez isso falhou”. E acrescenta que “desta vez, foi uma amiga que perdeu um filho”.

Dois menores de 17 anos e outras dez pessoas, de idades entre os 19 e 20 anos, foram detidas. Entre os suspeitos capturados, encontram-se dois militares. Outros três suspeitos, conhecidos pelas autoridades por atos de violência e classificados como “particularmente perigosos”, continuam em fuga.

O presidente francês, François Hollande, esteve em Echirolles na noite de segunda-feira, para se encontrar com as famílias das vítimas.

O bairro problemático de Villeneuve foi, no Verão de 2010, palco de atos de violência urbana.