Última hora

Última hora

Terrorismo, imigração e crise do euro em discussão em Malta

Em leitura:

Terrorismo, imigração e crise do euro em discussão em Malta

Tamanho do texto Aa Aa

A ilha de Malta acolhe desde ontem a cimeira do Diálogo 5+5 que junta cinco países do norte do Mediterrâneo e cinco países do sul do Mediterrâneo: Espanha, França, Itália, Malta, Portugal, Argélia, Líbia, Marrocos, Mauritânia e Tunísia. A iniciativa foi lançada há 22 anos mas desde 2003 que não decorria uma reunião ao mais alto nível. Terrorismo e imigração são alguns dos temas que vão estar em cima da mesa.

“Falo de segurança num certo número de países que não estão necessariamente representados no 5+5 mas que podem colocar em perigo a estabilidade de uma região inteira mas também a segurança da Europa” – declarou o presidente francês, François Hollande, à chegada a La Valette.

A crise do euro também vai ser tema de conversa na ilha mediterrânica. Esta tarde François Hollande vai reunir-se com os chefes de governo de Lisboa, Madrid e Roma. Oficialmente trata-se de preparar o Concelho Europeu deste mês.