Última hora

Última hora

A partir de agora, é com o Mecanismo Europeu de Estabilidade

Em leitura:

A partir de agora, é com o Mecanismo Europeu de Estabilidade

Tamanho do texto Aa Aa

É esta segunda-feira que a zona euro vai iniciar um novo capítulo no resgate aos países endividados: trata-se do arranque do Mecanismo Europeu de Estabilidade, apresentado como o futuro corta-fogo para incêndios orçamentais.

Dezassete ministros das Finanças vão formalizar este recurso financeiro que, até ao final do mês, estará pronto a disponibilizar 200 mil milhões de euros. O fundo vai alargar-se até aos 500 mil milhões, assim decorram como previsto as contribuições dos países-membros.

Dois dossiês dominam já o nascimento deste mecanismo. A Grécia pretende desbloquear, com caráter de urgência, a próxima tranche de ajuda, no valor de mais de 31 mil milhões de euros. E Mariano Rajoy, chefe do executivo espanhol, ditará se Madrid pede ou não oficialmente o resgate, sabendo-se que os bancos já em problemas não poderão solicitar a recapitalização direta.